Whey Protein Isolado: o Guia Completo

O Whey Protein Isolado faz parte do cardápio maromba, muitos o tomam até mesmo sem saber muito bem o porquê. Este artigo vai trazer mais detalhes a respeito desse suplemento para que você o conheça melhor e saiba como tomar Whey Protein Isolado. E se você pensa que já sabe tudo sobre esse suplemento, experimente ler o artigo até o final, você vai se surpreender!

Melhor Whey Protein Isolado

O que é e como tomar Whey Protein Isolado?

Em outra ocasião já havíamos falado sobre os tipos de Whey Protein que existem, mas para recapitular, o Whey Protein Isolado é um suplemento alimentar extraído do soro de leite resultante do processo de fabricação de queijos. O que difere o Whey Protein Isolado do Whey Protein Concentrado é que o primeiro passou mais vezes pelo processo de filtração, ou por diferentes tipos de filtração, o que o torna mais puro em termos de concentração de proteína.

O Whey Protein Isolado é indicado no pós-treino, juntamente com um carboidrato de alto índice glicêmico. Isso porque após um treino pesado nossas reservas de glicogênio e aminoácidos estão baixas e nosso organismo precisa de reposição, de preferência com proteína e carboidrato de rápida absorção, como o Whey Protein e a dextrose, por exemplo. O Whey Protein Isolado pode ser tomado também 30min à 1 hora antes do treino, como parte de uma refeição pré-treino, mas desta vez com carboidrato de baixo índice glicêmico.

Outra indicação de como tomar Whey Protein é no desjejum, para pessoas que não conseguem comer muito no café da manhã. Por ser uma proteína de alto valor biológico (que no caso do Whey Protein Isolado é 154) ela supre nossas necessidades de aminoácidos após um longo período sem se alimentar (dormindo). De todos os conselhos de como tomar Whey Protein, o melhor deles é aquele baseado na sua rotina diária, plano alimentar (dieta) e treino. Um bom nutricionista pode avaliar todas essas variáveis e dar a melhor dica de como tomar Whey Protein.

Processos de isolamento da proteína

Whey Isolado

Whey Protein “Isolado” :o)

Quando o soro de leite in natura entra no processo de fabricação do Whey Protein ele possui altos teores de gordura e carboidrato (lactose), além de uma quantidade substancial de sódio, portanto é necessário separar (isolar) ao máximo a proteína filtrando-a dos componentes indesejados. Para isso, temos basicamente dois principais processos: Cross Flow Microfiltration (CFM) e Troca Iônica (Íon-Exchange).

Esses processos isolam a proteína do restante de seus componentes (daí o nome Whey Protein Isolado) como gordura e carboidrato/lactose e dependendo do processo de fabricação adotado a quantidade desses elementos pode ser nula, por isso o Whey Protein Isolado é recomendado para pessoas que possuem intolerância à lactose. Esse processo de purificação da proteína confere ao suplemento concentrações proteicas acima de 90%, enquanto que o Whey Protein Concentrado passa poucas vezes pelo processo de isolamento da proteína e tem, portanto, uma menor concentração proteica – normalmente entre 35% e 85%.

Troca Iônica (Íon-Exchange)

O mais comum de todos e também o de mais baixo custo, esse processo utiliza ajuste de pH para promover a separação da proteína. Os reagentes químicos ácido clorídrico e hidróxido de sódio são usados para que a carga de proteína se junte à carga dos reagentes, para se ajustar o pH. Esse processo custa cerca de 80% a menos do que a os processos de filtração, no entanto, devido aos reagentes químicos usados, algumas frações delicadas da proteína (como as lactoferrinas e peptídeos bioativos) são destruídas com a variação do pH, o que provoca a desnaturação de alguns aminoácidos e causa diminuição do valor biológico.

Os fabricantes ressaltam a principal vantagem desse processo, que é o menor teor de gordura e lactose do produto final, mas “esquecem” de comentar sobre a desvantagem da perda de componentes da proteína.

Cross Flow Microfiltration – CFM

O processo de microfiltração de fluxo cruzado (ou Microfiltração Cruzada) utiliza membranas de filtração que servem para reter os compostos com baixo peso molecular como a lactose, a gordura, os minerais, as vitaminas e claro, as bactérias. O processo utiliza Microfiltração (MF) ou Ultrafiltração (UF) em baixa pressão (0,7 – 7 bar) para filtrar as partículas maiores. Para se obter um produto final ainda mais puro, pode-se recorrer à nanofiltração e à osmose reversa.

O processo de extração chamado Cross Flow Microfiltration é tido como superior ao de troca iônica. Conforme mencionado, os reagentes da troca iônica desnaturam algumas proteínas e aminoácidos. No entanto, com a CFM temos um pouco menos concentração de proteína pois esta utiliza filtros de cerâmica para separar a proteína da solução.

Microfiltração: geralmente capaz de filtrar partículas de 1µm (micrometro), que seria 1 milionésimo de metro, esse processo consiste em passar o soro de leite por uma membrana porosa a fim de separar partículas suspensas, como bactérias, do restante do produto. Através desse processo se separa também a Caseína do Whey Protein.

Ultrafiltração: similar à microfiltração, o processo de ultrafiltração utiliza membrana com poros de calibre ainda menores (~0,25 micrometros) e por isso é capaz de reter partículas suspensas e elementos de alto peso molecular, como a proteína e gordura. Esse processo pode diminuir substancialmente a porcentagem de carboidratos e micronutrientes, além de poder eliminar as gorduras presentes no soro de leite. Após esse processo, normalmente utiliza-se da diafiltração, que consistem em adicionar água novamente à solução, passando-a novamente pela membrana com o objetivo de purificar ainda mais o produto.

Nanofiltração: Utilizada normalmente para uma maior dessalinização e diminuição dos carboidratos. Este processo não causa a desnaturação da proteína, porém as filtrações são de longe processos mais caros e este preço é repassado ao produto final.

Osmose Reversa: é a membrana final utilizada para filtrar o soro de leite. Permite apenas a passagem da água, atuando como a membrana de maior qualidade, mais pura e concentrada.

Whey Protein Engorda? E o Whey Isolado?

Muitas pessoas perguntam se Whey Protein engorda, ou se creatina engorda, ou se este ou aquele suplemento engorda. A princípio, nenhum Whey Protein engorda, principalmente em se tratando do Whey Protein Isolado, que geralmente possui menos carboidrato do que a versão Concentrada. O que engorda é ingerir mais calorias do que se gasta, como um scoop (30g) de Whey Protein Isolada normalmente possui em torno de 120Kcal, este é o valor que você deve considerar quando estiver montando sua dieta. Além disso, como o Whey Protein Isolado é um suplemento composto prioritariamente de proteína, é possível fazer diversas receitas proteicas low carb, o que pode na verdade ajudar a emagrecer.

Portanto, o Whey Protein Isolado é um aliado tanto em dietas para hipertrofia quanto para dietas de perda de peso. A melhor forma de descobrir se você vai atingir seu objetivo adicionando o Whey Protein na sua dieta é somá-lo ao restante dos outros alimentos, para isso eu sugiro baixar gratuitamente nossa tabela para montar dietas, ela contabilizará todas as calorias que você ingere e as que você gasta durante o dia. Assim você descobrirá se Whey Protein engorda para você.

Qual o melhor Whey Protein? Seria então o Whey Isolado?

Após todas as vantagens do Whey Protein Isolado você pode estar pensando que este é o melhor Whey Protein para se comprar. Calminha, ainda não terminei de falar sobre ele :). De fato, o Whey Protein Isolado é um dos melhores Whey Protein considerando a qualidade/pureza da proteína, perdendo apenas para o Whey Protein Hidrolisado. Mas assim estaríamos desconsiderando o fator preço que pode determinar a escolha de qual Whey Protein comprar.

A discussão sobre qual o melhor Whey Protein é muito longa, isso porque depende de inúmeros critérios, e dependendo do critério escolhido uma ou outra opção vai disparar na frente. Além disso, alguns critérios tem pesos opostos para pessoas diferentes, por exemplo: por ser mais caro, o Whey Isolado pode ser considerado por algumas pessoas obviamente melhor do que o Whey Protein Concentrado, no entanto, para outras pessoas é justamente o inverso, considerando que ambos são o mesmo tipo de proteína (Whey Protein).

O fato é que a maior diferença notável entre o Whey Protein Isolado e o Whey Protein Concentrado é a pureza do primeiro, dado o seu processo de filtração mais apurado, mas isso acaba encarecendo o produto. Existe também o fato de que o Whey Protein Isolado possui mais proteína por dose quando comparado ao Concentrado, sendo inclusive alguns realmente livres de lactose (bom para que tem intolerância). Por ser mais puro, o valor biológico do Whey Protein Isolado (110 – 159) é maior do que o Whey Protein Concentrado (104), o que torna sua absorção mais rápida, apesar de muitos crerem que essa velocidade não importa tanto.

Então, o que fazer?

O Whey Protein Isolado é indiscutivelmente melhor do que o Whey Protein Concentrado, o único fator negativo ao meu ver é o seu preço, que tende a ser muito maior. A minha dica é que se o preço for o único empecilho para a compra do seu Whey Protein, opte por importar o suplemento. Importar suplementos é uma alternativa inteligente para driblar o alto preço cobrado no mercado nacional.

Posts Relacionados:

8 Comentários

  1. 1

    Como sempre, ótimo tópico

  2. 3

    uma vez um lojista passou uma mensagem para um grupo de lojistas no brasil e ninguém conhecia o processo CFM. que é utilizado por muitas empresas de fora do brasil. e usando esse processo para fazer um whey concentrado, seria melhor que um isolado pelo processo comum.(foi o que eu li em muitas matérias)
    “e ate hoje ninguém sabe realmente dizer se dentro do nosso organismo qual deles e absorvido mais rápido…pois todos temos aspectos diferentes…
    e se “você não for rico” fique com um concentrado mesmo.

    • 4

      É verdade, Claudiney!

      Tem muitos lojistas que não conhecem os processos de filtração, é uma pena pois isso pode ser um argumento de vendas.

      Claro que isso serve “pra quem é rico”, hahahah!

      Abç!

  3. 5

    Quero engordar e fica com boas coxas e bumbum sou muito magra me ajudem…

  4. 7

    Sobre o isolado não ter lactose eu fico com muito pé atrás. Primeiro em vários diz 0%açúcar 0%glúten mas nenhum achei escrito 0%lactose. O problema é que quem tem intolerância não pode tomar nem um pouquinho mínimo que já passa mal. Logo optei pelo de soja, infelizmente, já que nenhum garante o isolamento completo.. e como temos que tomar várias vezes por dia o estrago seria enorme.

  5. 8
    Avatar Nivelton Carbalho

    Em relação ao índice glicêmico, como verificar? Quais valores são considerados altos para Índice Glicêmico, E em que isso afeta para quem está em uma dieta de perda de peso e quer ganhar massa magra?

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios marcados *

Você pode utilizar os seguintes caracteres HTML e os seguintes atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>